Buscar

Bactérias probióticas geram considerável melhoria na imunoterapia do câncer


Na década de 1890, o cirurgião de Nova York William Coley observou que bactérias distribuídas sistemicamente tendem a se acumular em tumores.


Em verdade, ele demonstrou ser possível obter regressão tumoral ao administrar estreptococos vivos em pacientes.


Essa interessante observação, contudo, ficou esquecida porque a radioterapia do câncer surgiu na mesma época. A novidade é que pesquisadores da Universidade de Columbia revisitaram esse conhecimento com o objetivo de aprimorar a imunoterapia do câncer.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

2 visualizações