Buscar

Descrito mecanismo pelo qual infecções virais contribuem para a neurodegeneração


A formação de agregados de proteínas dobradas de forma anormal está presente na maior parte das doenças neurodegenerativas (DN), como a doença de Alzheimer (DA) e também nas doenças priônicas, como é o caso da doença de Creutzfeldt-Jacob.


A disseminação cerebral dessas doenças ocorre porque as proteínas anormais conseguem passar de uma célula à outra e induzir a formação de mais agregados.


Essa transferência de proteínas entre células pode se dar por contato direto entre as membranas celulares, ou por meio de vesículas extracelulares (VEC). Entretanto, pouco se sabe sobre os fatores que influenciam essa circulação de proteínas.


Agora, um grupo de pesquisadores da Universidade de Bonn afirma que infecções virais podem influenciar esse processo e colaborar com a neurodegeneração.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

3 visualizações