Buscar

Cartilagem biosintética construída a partir de hidrogel e campos magnéticos


Algumas condições, sendo a artrose a mais comum, provocam degeneração da cartilagem articular que causa dor e impotência funcional. As soluções atuais para situações assim passam pela substituição da articulação lesada por prótese ou o preenchimento das lesões com materiais sintéticos ou biológicos. A primeira tem o inconveniente de ser invasiva e o preenchimento acaba sofrendo desgaste por não exibir a mesma complexidade tecidual da cartilagem.


A novidade é que pesquisadores da Universidade da Pensilvânia desenvolveram uma técnica que afirma poder resolver esse problema. A solução envolve o uso de um hidrogel contendo componentes como células vivas, um meio de contraste magnético e fotorreticulação e resulta em um biomaterial para enxertia com complexidade semelhante à da cartilagem original.


Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia, no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play



DOCMEDIA_ICONE_HIG_RES_WHITE.png

healthcare innovation

Atenção: Docmedia é um espaço informativo de divulgação e educação sobre temas relacionados à saúde, tecnologias e pesquisas científicas. Não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
© 2020 Pharmedia Informática Ltda