Buscar

Enzima exclusiva de bactéria letal pode ser novo alvo de antibióticos


Pesquisadores da Harvard University e do Massachusetts Institute of Technology dizem ter descoberto a estrutura de uma enzima bacteriana incomum que pode quebrar um aminoácido encontrado no colágeno, a proteína mais prevalente no corpo humano.


A enzima chamada hidroxi-L-prolina desidratase (HypD) foi encontrada em algumas centenas de espécies de bactérias que fazem parte da microbiota intestinal humana, incluindo Clostridioides difficile. HypD realiza uma nova reação química que desmonta a hidroxi-L-prolina, a molécula que fornece ao colágeno sua estrutura resistente em hélice tripla.


A enzima HypD faz parte de uma grande família de proteínas chamadas enzimas do radical glicil. Essas enzimas funcionam de maneira incomum, convertendo uma molécula de glicina, o aminoácido mais simples, em um radical e tem como ambiente de maior eficiência o ambiente pobre em oxigênio encontrado do intestino.


Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia, no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play



DOCMEDIA_ICONE_HIG_RES_WHITE.png

healthcare innovation

Atenção: Docmedia é um espaço informativo de divulgação e educação sobre temas relacionados à saúde, tecnologias e pesquisas científicas. Não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
© 2020 Pharmedia Informática Ltda