Buscar

Pesquisa afirma que a adoção da dieta mediterrânea pode reduzir o risco de diabetes


Pesquisadores do Brigham and Women's Hospital (Harvard Medical School) conduziram um estudo sobre dieta mediterrânea e início do diabetes tipo 2 (DM2) como forma de saber esse tipo de alimentação influencia o surgimento da doença e quais os mecanismos envolvidos.


Foram avaliados dados de 25.317 mulheres saudáveis que participaram do Women's Health Study que tiveram avaliações iniciais entre setembro de 1992 e maio de 1995. O tempo médio de acompanhamento foi de 19,8 anos neste estudo de coorte epidemiológico prospectivo e foram computados 2.307 casos de DM2 no grupo.


Foram verificados os biomarcadores que mais contribuem para a redução de risco de DM2, com destaque positivo para a resistência insulínica e negativo para a hemoglobina glicada. No grupo, de forma geral, a maior adesão a esse tipo de dieta concorreu para redução de 30% no risco de DM2, mas somente nos indivíduos com sobrepeso e obesidade..


Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia, no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play



DOCMEDIA_ICONE_HIG_RES_WHITE.png

healthcare innovation

Atenção: Docmedia é um espaço informativo de divulgação e educação sobre temas relacionados à saúde, tecnologias e pesquisas científicas. Não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
© 2020 Pharmedia Informática Ltda