Buscar

Terapia gênica com proteína sensível à luz consegue restaurar visão em estudo


A perda visual relacionada à idade resulta de degeneração das células fotorreceptoras da retina. Atualmente, os tratamentos disponíveis se destinam apenas a frear a evolução da doença e próteses retinianas oferecem restaurar a visão de forma muito limitada e não isenta de complicações.


Mais recentemente, tem sido proposta como alternativa a sensibilização à luz de outras células da retina como forma recuperar parte da visão. Uma iniciativa nesse sentido foi anunciada por pesquisadores do National Eye Institute.


Essencialmente, eles utilizaram terapia gênica para entregar às células saudáveis restantes da retina uma proteína sensível à luz. Em testes pré-clínicos, a estratégia se mostrou tão promissora que ensaios em humanos já estão sendo desenhados..


Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia, no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play



DOCMEDIA_ICONE_HIG_RES_WHITE.png

healthcare innovation

Atenção: Docmedia é um espaço informativo de divulgação e educação sobre temas relacionados à saúde, tecnologias e pesquisas científicas. Não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
© 2020 Pharmedia Informática Ltda