Buscar

Lidocaína spray pode ser eficaz contra quadros de tosse refratária


A tosse é um reflexo destinado à proteção das vias aéreas. A tosse é considerada crônica quando permanece por mais de 8 semanas. Entre as principais causas de tosse crônica, estão a alergia, o tabagismo, a iatrogenia (inibidores da ECA), a idiopática e aquela ligada a bronquite e asma.


Habitualmente, a conduta consiste em identificar o fator desencadeador e eliminá-lo, como no caso da interrupção do tabagismo. Diferentemente, é quando a tosse é persistente apesar de toda a conduta ativa. Neste caso, ela é dita tosse crônica refratária (TCR).


A TCR é uma condição debilitante, pois afeta intensamente a qualidade de vida do portador e não há tratamento eficaz licenciado. Em função disso, pesquisadores da Universidade de Manchester decidiram investigar o anestésico lidocaína, um inibidor não seletivo dos canais de sódio dependentes de voltagem, administrado em diferentes vias como opção terapêutica para a TCR. Em um desenho de estudo onde os participantes testaram dois meios de administração de lidocaína e um com placebo, a lidocaína mostrou potencial como opção terapêutica na TCR.


Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia, no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play



4 visualizações
DOCMEDIA_ICONE_HIG_RES_WHITE.png

healthcare innovation

Atenção: Docmedia é um espaço informativo de divulgação e educação sobre temas relacionados à saúde, tecnologias e pesquisas científicas. Não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
© 2020 Pharmedia Informática Ltda