Buscar

Enzima mitocondrial pode ser novo alvo amplo contra o câncer


A fase atual da pesquisa de tratamentos para câncer envolve a investigação de vulnerabilidades dos tumores que possam ser manipuladas para inibir seu crescimento. Quanto mais geral o mecanismo alvo, maior a chance de um tratamento de câncer de “amplo espectro”. Esse é o caso da descoberta anunciada por pesquisadores da Universidade do Texas em artigo recente.


No estudo, o foco da investigação foi a ferroptose, um mecanismo de morte celular induzida por peroxidação lipídica excessiva que promove a supressão tumoral. Basicamente, a ideia era descobrir como as células cancerígenas conseguem se proteger da ferroptose e descobrir formas de anular esses mecanismos para combater o crescimento dos tumores. As células foram tratadas com indutores de ferroptose e submetidas à análise metabolômica. Com isso, foi evidenciado o papel crítico e ainda desconhecido de uma enzima mitocondrial para a ferroptose.


O estudo evidenciou que o bloqueio desta enzima promove a ferroptose nas células cancerígenas, em especial naquelas com baixa expressão de um gene protetor. A equipe acredita em ampla utilidade clínica para a descoberta.



Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

0 visualização