Buscar

Estudo confirma que rugosidade da prótese mamária induz resposta imune


O implante de próteses mamárias de silicone é uma cirurgia majoritariamente estética que começou a ser realizada na década de 1960. Inicialmente, as próteses possuíam superfície lisa. Com o tempo, foi visto que a introdução do implante causava uma complicação chamada contratura capsular, em que tecido cicatricial se forma em torno do implante e leva a quadros de dor e deformidades.


Na década de 1980 foram introduzidas próteses com a superfície texturizada visando reduzir a contratura capsular, mas esse tipo de dispositivo foi relacionado a casos de linfoma anaplásico, com o consequente recolhimento do produto por orientação do FDA.


Agora, um estudo conduzido por pesquisadores do Massachusetts Institute of Technology, da Rice University, da University of Texas, do MD Anderson Cancer Center e do Baylor College of Medicine trouxe importantes insights sobre o padrão de texturização das próteses.


Curadoria: Dr. Guilherme Rocha, médico especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela FEBRASGO.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

7 visualizações