Buscar

Estudo descreve mecanismo inflamatório da asma não tipo 2


A asma por muito tempo foi considerada uma doença única.


Entretanto, o seguir dos estudos evidenciou tratar-se de uma variedade de condições com mecanismos e gatilhos distintos.


Atualmente, as principais categorias de asma são a inflamação tipo 2, asma alérgica, asma eosinofílica e a asma não tipo 2.


Esta última é associada a quadros graves e que, ao contrário das demais, não apresenta resposta satisfatória aos corticoides.


Estudos mais recentes associam esse tipo de asma ao encontro de disbiose bacteriana nos portadores.


A novidade é que pesquisadores da Genentech Inc., uma empresa de tecnologia em saúde, afirmam terem conseguido descrever o mecanismo da asma não tipo 2 e agora trabalham no que pode se tornar uma terapia eficaz para esses casos de difícil manejo.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

2 visualizações