Buscar

Estudo descreve potencial estratégia contra a perda de memória


A perda de memória relacionada à idade geralmente pode ser detectada a partir dos 60 anos de idade, mas alguns estudos sugerem que este e outros declínios da função cerebral podem ocorrer décadas mais cedo. Por isso, são recomendados esforços cerebrais conscientes como forma de aumentar a atividade cerebral e prevenir a perda de memória relacionada à idade.


Nesse contexto, a novidade é um estudo de pesquisadores das universidades de Cambridge e Leeds anunciando uma estratégia que conseguiu reverter a perda de memória até o status visto em jovens em testes pré-clínicos com ratos.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

16 visualizações