Buscar

Estudo identifica estratégia potencial contra leucemia mieloide aguda


A leucemia mieloide aguda (LMA) é um câncer hematológico agressivo que afeta indivíduos de todas as idades. O tratamento disponível para LMA não sofre mudanças há décadas e normalmente implica em longas internações e quimioterapia intensiva. Com isso em mente, pesquisadores do Instituto Wellcome Sanger têm pesquisado as bases genéticas desta condição como forma de encontrar novas perspectivas terapêuticas.


A novidade é um estudo da equipe em que a pesquisa com edição CRISPR-Cas9 em células LMA humanas e modelos murinos da doença conseguiu evidenciar o mecanismo pelo qual um potencial gene supressor tumoral é capaz de habilitar as células cancerígenas da LMA a prosperarem.


Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

2 visualizações