Buscar

Estudo Identifica vulnerabilidades no Parkinson que podem se tornar novos alvos


A marca registrada da doença de Parkinson (DP) é o processo degenerativo que resulta na perda dos neurônios dopaminérgicos na substância negra pars compacta (SNpc) no mesencéfalo.


Entretanto, esse processo é gradual e heterogêneo, com alguns neurônios sobrevivendo mesmo nos estágios avançados da doença.


Essa heterogeneidade no grau de resistência dos neurônios dopaminérgicos foi explorada em novo estudo por pesquisadores do Broad Institute de Harvard e MIT que acreditam ser este o caminho para identificar mecanismos da doença, definir modelos mais precisos e direcionar o desenvolvimento de novas terapias.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

1 visualização