Buscar

FDA aprova para uso droga que revela o câncer de ovário durante a cirurgia


A American Cancer Society estima que haverá mais de 21.000 novos casos de câncer de ovário (CO) e mais de 13.000 mortes pela doença nos EUA em 2021, o que a torna o mais mortal de todos os cânceres do aparelho reprodutor feminino.


O tratamento padrão da doença inclui quimioterapia e outras terapias direcionadas visando matar células cancerígenas. Entretanto, uma etapa anterior e crítica do tratamento é a cirurgia.


Durante o procedimento, o objetivo é retirar a maior quantidade possível de tumor, reduzindo a carga da doença. Para isso, o cirurgião conta com avaliação pré-operatória por imagem, inspeção visual direta sob luz normal durante o ato cirúrgico e a palpação direta de estruturas visando identificar focos.


A novidade é que a Food and Drug Administration (FDA) aprovou um fármaco que é mais um aliado do cirurgião durante a cirurgia de citorredução.Curadoria: Dr. Guilherme Rocha, médico especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela FEBRASGO. @guilhermepgrocha


Curadoria: Dr. Guilherme Rocha, médico especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela FEBRASGO.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

1 visualização