Buscar

Identificado o mecanismo antitumoral do ômega 3


O consumo alimentar de ácidos graxos poliinsaturados (PUFAs), em especial o PUFA ômega-3, é considerado essencial à boa saúde. Estudos também já relacionaram o ômega-3 a uma incidência menor de câncer, o que torna a questão ainda mais significativa. Contudo, o mecanismo para esse efeito benéfico ainda não foi demonstrado.


A novidade é que pesquisadores da Universidade de Louvain anunciaram recentemente ter descoberto como o ômega-3 contribui para inibir o crescimento tumoral. Utilizando modelos celulares e animais, os pesquisadores demonstraram que uma mudança no metabolismo das células cancerígenas faz com que priorizem a gordura como fonte de energia em detrimento da glicose. No entanto, enquanto alguns tipos de gordura favorecem o desenvolvimento do tumor, certos ácidos graxos são capazes de gerar toxicidade para as células cancerígenas, levando-as à morte.



Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

10 visualizações