Buscar

Novos anticorpos chegam para aprimorar resultados da imunoterapia do câncer


De todas as modalidades terapêuticas empregadas no combate ao câncer, a imunoterapia é onde há maiores possibilidades de avanço. Os medicamentos inibidores de ponto de verificação imunológico são os maiores expoentes desta classe (anti-PD-1 e anti-CTLA-4). Entretanto, essas medicações funcionam apenas em um grupo selecionado de tumores, o que sugere haver outras maneiras de ativar o sistema imune contra o câncer ainda a serem descobertas.


A novidade nesse aspecto vem de um estudo conduzido por pesquisadores da Universidade de Basileia, na Suíça, publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences. O foco do trabalho foi a utilização de um conjunto de anticorpos que consegue resultados mais consistentes que as imunoterapias isoladas na ativação da imunidade antitumoral.


Quer saber mais?


Veja esse artigo e mais notícias sobre inovação em Medicina, Odontologia e Farmácia no nosso app. Lá além de mais conteúdos, você poderá montar a sua biblioteca de artigos para referência. Acesso gratuito.


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

9 visualizações