Buscar

Supermeres: novas nanopartículas funcionais com potencial terapêutico


Durante o seu funcionamento, seja em momentos de saúde ou doença, as células liberam uma série de estruturas extracelulares entre vesículas e nanopartículas.


Inicialmente, foram descritos os exossomos (40-150nm), que são vesículas extracelulares (VEs) envoltas por membrana e que carregam uma série de moléculas de interesse clínico que ajudam na comunicação entre as células.


Posteriormente, pesquisadores da Universidade Vanderbilt identificaram uma nanopartícula não membranosa secretada pelas células, o exômero (<50nm).


A novidade é que a mesma equipe acaba de anunciar a identificação de mais uma partícula extracelular, mas agora com características funcionais de extremo interesse.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

2 visualizações