Buscar

Transplante fecal associado a fibras produz melhora metabólica em obesos


A obesidade e a síndrome metabólica são componentes de uma das principais epidemias do século XXI e a terapêutica disponível mostra eficácia limitada, baixa tolerância e custo elevado. Sendo assim, a descoberta de novas alternativas é uma necessidade. O transplante microbiano fecal (TMF) tem atraído interesse no contexto, embora seus resultados até agora sejam inconsistentes.


A novidade é que um estudo de pesquisadores da Universidade da Califórnia (San Diego) relatou benefício metabólico em indivíduos obesos por meio de TMF associado a fibras alimentares.


Quer saber mais?


Baixe o app e acesse o material completo com link do artigo, além de canais de notícias, eventos e muito mais!


Baixe aqui AppStore


Baixe aqui Google Play

5 visualizações